Panqueca Sem Glúten com Farinha de Painço

    Esta semana fizemos uma descoberta super especial na nossa cozinha: a farinha de painço!

    Super versátil, testamos a farinha em diversas experiências, como bolos, mingaus, pães e nesta deliciosa panqueca vegana (sem ovos e sem lácteos) que vamos ensinar agora. Todas as combinações ficaram leves, ricas em fibras e super nutritivas.

    Quando falamos em painço, logo vem à nossa mente a sementinha consumida pelos pássaros. Mas este cereal também vem sendo muito utilizado na alimentação humana,  devido às inúmeras propriedades nutritivas que possui, trazendo muitos benefícios à nossa saúde.

    O painço em grão (descascado) pode ser cozido e utilizado em diversas preparações como substituto do arroz ou da quinoa em risotos, tabules, saladas, sushis, etc.  Já a farinha, pode ser produzida com o painço integral (com casca), basta liquidificar os grãos até virar farinha.

    Originário da Etiópia, o painço é um cereal  rico em minerais, carboidratos, proteínas e fibras. Seu consumo regular auxilia na redução dos níveis de colesterol do organismo, no fortalecimento dos ossos e proporciona uma melhor digestão. É fonte de diversos minerais (como magnésio, fósforo e manganês) e proteínas.

    Também é uma opção para pessoas alérgicas ou intolerantes ao glúten, uma vez que não contém a substância.

    Confira a receita da panqueca integral de painço, que fica uma delícia acompanhada das Manteigas da Bioporã, frutas e um fiozinho de melado.

    Ingredientes:

    • 2 c de sopa de farinha de painço integral (grãos liquidificados ou moídos)
    • 2 c de sopa de farinha de arroz integral
    • 2 c de sopa de farinha de araruta (ou polvilho doce)
    • 2 c de sopa de farinha de aveia
    • 2 c de chá de farinha de linhaça
    • 2 c de chá de psyllium (opcional)
    • 2 c de chá de azeite ou óleo de coco derretido
    • 1/2 de colher de chá de fermento em pó
    • 1 pitada de sal
    • 1 fio de melado de cana orgânico
    • 1/2 de xic de água

    Modo de preparo:

    panqueca_PAINÇO_BIOPORÃ1Misturar tudo até obter uma massa homogênea, não muito líquida. Aguardar 5 minutos para as farinhas hidratarem antes de grelhar. Utilizar frigideira antiaderente ou untada pré-aquecida. Colocar a massa na frigideira com ajuda de uma concha, aguardar até a panqueca começar dourar, descolar (verifique com a ajuda de uma espátula) e estar pronta para virar.

    Sirva com frutas, melado e sua Bioporã favorita!

    Rendimento: 4 panquecas médias.

    foto 2

     

    Torta de Maçã Sem Glúten

    Uma torta de maçã com farinhas integrais e sem glúten que vai encher a casa com aquele aroma de maçã com canela… Ideal para o chá da tarde neste outono-inverno!

    Ingredientes para a base:

    • 1 xic de farinha de arroz integral
    • 1/2 xic de farinha de amêndoas (basta liquidificar as amêndoas)
    • 1/2 xic de farinha de coco seco ralado (basta liquidificar o coco ralado)
    • 1 c de sopa de gel de linhaça (linhaça hidratada por 2h)
    • 1/4 xic de óleo de coco ou girassol
    • 1 copo de leite vegetal
    • 1 banana amassada
    • 1 maçã picada
    • 1 xic de melado de cana (ou mascavo ou pasta de tâmaras)
    • 1 c de sopa de canela em pó
    • 1 c de sopa de fermento para bolo
    • nozes quebradas
    • uva passa e frutas secas picadas

    Ingredientes para cobertura:

    • 2 maças picadas
    • 200 ml de água
    • 2 c de sopa de uva passa
    • 2 c de chá de canela em pó
    • 2 c de sopa de melado de cana (ou pasta de tâmaras – opcional)
    • 1 c de sopa de Amêndoa Dream Bioporã
    • 1 c de sopa de ágar-ágar

    Como fazer a base:

    Liquidificar todos os ingredientes com exceção  das farinhas, do fermento e das nozes. Adicionar o conteúdo do liquidificador às farinhas e misturar bem. Por último, acrescentar o fermento, as nozes em pedaços, as frutas secas picadas e misturar lentamente. Colocar a massa em assadeira de fundo removível untada e enfarinhada (com farinha de arroz ou de amêndoas). Assar em forno pré-aquecido em 180° por aproximadamente 35 minutos (faça o teste do palito de dente). Retirar e deixar esfriar.

    Como fazer a cobertura:

    Dissolver o ágar-ágar na água, acrescentar os demais ingredientes com exceção da Amêndoa Dream Bioporã. Colocar em uma panela e levar para o fogo baixo sempre mexendo. Após levantar fervura, mantenha no fogo por 3 minutos, sempre mexendo. Desligue o fogo, acrescente o creme de amêndoas e misture bem. Cubra a base da torta e aguarde a cobertura adquirir a consistência necessária para desenformar. Se desejar acelerar o processo, levar a torta para geladeira. Desenforme e antes de servir, polvilhe nozes raladas (ou quebradas) e canela em pó.

    Faça um chá quentinho para acompanhar e aproveite!

    Brownie Vegan Cremoso

    Receita irresistível da nossa convidada do mês: Lidiane Barbosa, Chef de Gastronomia Funcional.

    Além das criações culinárias do nosso time de Nutrichefs Bioporã, todo mês contamos com a participação especial de um profissional da área da saúde e/ou gastronomia convidado a compartilhar seus talentos e fortalecer a nossa Rede de Alimentação Criativa e Saudável.

    Neste mês de estréia do Blog, estamos super felizes com a participação especial da Lidiane, referência em gastronomia funcional no país. Ela nos presenteou com esta delícia de Brownie Vegan Cremoso com Manteiga de Coco Bioporã, que é sucesso em seus cursos Brasil a fora. Além da beleza e sabor, esta criação esbanja nutrientes e gorduras saudáveis.

    Confira a receita, tão prática que não precisa nem ir para o forno! Sim, o Brownie é “Raw” (cru). O fato de não utilizar altas temperaturas ajuda a preservar as enzimas e a qualidade nutricional dos ingredientes.

    Ingredientes massa :

    • 100 g de nozes
    • 150 g de tâmaras sem caroço
    • 80 ml de água ou bebida vegetal (amêndoa, castanha do para ou coco)
    • 50 g de cacau em pó
    • 60 g de Manteiga de Coco Bioporã
    • 10 g de farinha de linhaça
    • 5 gr de oleo de coco
    • pitada de sal do Himalaia
    • 20 g de nibs de cacau
    • 20 g de nozes – reservadas em pedaços

    Modo de preparo da massa :

    Coloque as tâmaras de molho por 4 horas em água suficiente para cobrir. Despreze a água.

    Coloque em um processador as nozes e processe até virar farinha.

    Acrescente as tâmaras e continue processando, acrescente o cacau em pó, a Manteiga de Coco Bioporã, a farinha linhaça, o óleo de coco, a bebida vegetal (ou água) e a pitada de sal . Desligue o processador e acrescente o nibs de cacau e as nozes. Misture a massa com as mãos e acomode em uma forma com papel manteiga. Leve ao congelador por 10 minutos.

    Cobertura :

    • 50 g de manteiga de coco
    • 10 g de cacau em pó
    • 5 g de agave azul (ou adoçante natural de sua preferência)

    Modo de preparo :

    Em uma panela com fogo baixo, derreta todos os ingredientes e acrescente no brownies congelado.

    PARTICIPAÇÃO ESPECIAL: LIDIANE BARBOSA

    Lidiane-Barbosa_021Cozinheira, técnica em gastronomia e pós-graduada em gastronomia funcional, a chef e consultora Lidiane Barbosa viaja o Brasil todo ensinando como combinar sabor e saúde. Saiba mais sobre o seu trabalho e agenda de cursos no site e Instagram: @lidibarbosa11. 

     

     

    Pãozinho de Banana da Terra

    As opções de receitas de pãezinhos sem glúten com base de polvilho e sementes de chia são muitas. Normalmente eles são feitos com raízes (inhame, mandioca, baroa ou batatas), mas esta receita leva 2 ingredientes especiais: banana da terra e Manteiga de Coco Bioporã, que deixam os pãezinhos levemente adocicados. Uma delícia, criada pela nutricionista Luciana Miranda.

    Ingredientes:

    • 2 bananas da terra cozidas e bem amassadas
    • 6 colheres de sopa de polvilho doce
    • 3 colheres de sopa de polvilho azedo
    • 2 colheres de sopa de Manteiga de Coco Bioporã
    • 2 colheres de sopa de chia
    • 1 colher de chá rasa de canela em pó (opcional)
    • 1 pitada de sal
    • Água suficiente para dar o ponto da massa (em média 1 a 2 colheres de sopa)

    Modo de preparo:

    Misturar todos os ingredientes, incorporando a água aos poucos, até obter uma massa homogênea. A massa não gruda nas mãos. Se ficar muito seca, acrescentar mais um pouco de água; se ficar muito molhada, adicionar um pouco dos polvilhos doce e azedo na mesma proporção. Moldar as bolinhas, colocar numa forma e levar ao forno médio pré-aquecido por aproximadamente 30 minutos. Os pãezinhos também podem ser congelados com a massa crua e levados ao forno quando desejar. Essa receita rende em média 10 unidades, também dá pra duplicar ou triplicar a receita e congelar.

    IMG_20150404_074814

    Pãezinhos de Banana da Terra, por Luciana Miranda.

     Nesta “estréia” do Blog, além de compartilhar uma receita, pedimos para os Nutrichefs Bioporã responderem 3 perguntinhas para a gente conhecer um pouquinho mais sobre eles. Confira as respostas da nutricionista Luciana Miranda:

    •  O que é saúde para você?

    Saúde é muito mais que a ausência de doenças, saúde é o equilíbrio entre corpo e mente. É um organismo saudável, é nutrição, é energia positiva, é vitalidade!

    • O que é alimento de verdade para você?

    Um alimento de verdade é aquele cheio de nutrientes, sem conservantes, corantes, aromatizantes, enfim, qualquer substância com nome complicado. É alimento rico em vitaminas, minerais, fitoquímicos, substâncias que auxiliam no bom funcionamento do nosso corpo. É alimento que NUTRE e não apenas “alimenta”; é alimento que faz com que nosso metabolismo trabalhe adequadamente; é alimento que evita doenças e nos traz saúde!

    • Qual seu conselho para quem quer manter uma alimentação saudável e tem pouco tempo para preparar seus alimentos?

    Primeiramente, o ideal é ir a um nutricionista para adequar o planejamento alimentar de acordo com sua individualidade. No dia a dia, a palavra chave é ORGANIZAÇÃO. Mesmo com pouco tempo dá pra se organizar direitinho, fazer receitas simples e ao mesmo tempo nutritivas. No começo é um pouquinho mais difícil, mas depois que se acostumar tudo fica muito mais fácil e rápido. E, claro, saboroso!!!

    Pãozinho de Quinoa e Açafrão da Terra

    Estes pãezinhos são uma opção prática para uma dieta livre de glúten e chegam com o convite para novas criações, onde você pode seguir sua intuição, sua inspiração, e acrescentar diferentes especiarias, temperos e sementes. Dê o seu toque, revelando o seu sabor!

    Ingredientes:

    •  ½ xícara de quinoa em grãos orgânica
    • 1 xícara de farinha de arroz integral orgânico
    • 4 colheres de sopa de polvilho azedo
    • 2 e ½ xícaras de água
    • 1 colher de sopa de Tahine Cru Bioporã
    • 2 colheres de sopa de alecrim
    • 1 colher de chá de açafrão da terra (cúrcuma)
    • sal marinho

    Modo de fazer:

    Leve ao fogo, a quinoa e 1 xícara de água, cozinhando até secar a água. Em uma vasilha, coloque a quinoa cozida, a farinha de arroz, o polvilho azedo, o tahine, o açafrão, o alecrim, e o sal, misturando com as mãos e integrando todos ingredientes.

    Aqueça 1 e ½ xícara de água e incorpore à massa. Com uma colher distribua a massa em uma assadeira untada. Leve para assar por aproximadamente 30 minutos. Deixe os pãezinhos esfriarem e saboreie com Molho de Tahine (tahine + limão + sal + água).

    Pãezinhos com Tahine Cru Bioporã, por Anah Locoselli.

    Pãezinhos com Tahine Cru Bioporã, por Anah Locoselli.

     Nesta “estréia” do Blog, além de compartilhar uma receita, pedimos para os Nutrichefs Bioporã responderem 3 perguntinhas para a gente conhecer um pouquinho mais sobre eles… Confira as respostas da Anah Locoselli:

    • O que é saúde para você?

    Sentir vontade de sorrir, cantar, dançar, brincar, interagir, inspirar vitalidade, expirar amor. Equilíbrio que se faz e transborda, permissão para ouvir e manifestar estados de completude, integridade, plenitude. Um querer permanecer e Ser Todo, deixar pulsar e expandir o estado natural, livre de interferências, bloqueios, negações, um “SIM” dito como um todo que acolhe e agradece a dádiva da vida, reconhecendo a beleza de aqui estar manifestando a perfeição do Ser, a sua saúde.

    •  O que é alimento de verdade para você?

    Estar atento às escutas do corpo permite reconhecer o que nutre, como, e porque, trazendo recursos para saber distinguir o que de fato é alimento, uma aventura que convida a saborear, permitindo amplificar seu conceito. A consciência revela que somente o que promove equilíbrio, vitalidade, harmonia, paz, confiança, bem estar, pode ser nomeado alimento.

    • Qual seu conselho para quem quer manter uma alimentação saudável e tem pouco tempo para preparar seus alimentos?

    Um querer apropriar-se de uma alimentação saudável às vezes esbarra na falta de tempo, contudo é possível trazer agilidade e fluidez ao cozinhar simplesmente adotando o hábito da presença. Estar absorto no momento presente permite desenvolver o poder de foco e atenção plena, gerando recursos que otimizam o preparo do alimento, levando embora distrações que consomem tempo e alimentam desculpas, dificultando assumir a vontade de integrar uma nova postura alimentar. O Ser presente é consciente de seu poder de escolha e sabe que pode gerir sua vida, realizando aquilo que realmente quer. Com o “SIM” dito ao querer, entrar na cozinha convida a sintonizar com o alimento, facilitando seu manuseio e ativando o processo criativo para elaboração de pratos no tempo disponível.